conecte-se conosco

Denúncia

Saiba como ocorreu a morte de “L7”, filho do narcotraficante “Zé Roberto da Compensa”

Publicado

em

Manaus – Luciano Barbosa, 32 anos, conhecido como L7, foi executado e degolado por homens armados e encapuzados que invadiram a casa em que estava durante a madrugada desta quinta-feira (23), no município de Anamã (a 225 quilômetros de Manaus). Um Boletim de Ocorrência (BO) registrado pela mãe da vítima revela detalhes sobre o crime.

Luciano é filho de um dos maiores narcotraficantes do Amazonas, o ‘Zé Roberto’, ex-líder de facção criminosa, que comandava o tráfico de drogas no região do bairro Compensa, zona Oeste de Manaus.

De acordo com a mãe de L7, identificada como Maria Delzeni Almeida da Silva, cerca de 15 a 20 homens encapuzados e armados invadiram a residência da família, localizada na comunidade Santa Maria, do referido múnicipio onde estavam ela, seu companheiro que era padrasto de L7 e o filho, Luciano, conforme registrado no BO.

Ainda segundo o relato da mulher, o grupo armado chegou ao local em uma lancha, por volta de 04h40, a procura de L7. O padrasto Silviney Oliveira Araújo e Luciano, foram executados a tiros com armas de fogo de cano curto e longo.

Luciano era o principal alvo do grupo, e teve a cabeça degolada pelos encapuzados. Maria revelou ainda que L7 seguiu os passos do pai, que está preso, e era integrante da facção criminosa Família do Norte (FDN), mas que seu atual marido não era envolvido no mundo do crime.

Silviney foi alvo dos criminosos ao se desviar dos tiros e tentar fugir pela janela. Já L7 teve sua cabeça levada pelos suspeitos, como considerada como prêmio.

O Boletim de Ocorrência foi registrado na 81° Delegacia Interativa de Polícia (DIP). A Polícia investiga o caso e não descarta a hipótese de que os suspeitos sejam integrantes de uma facção criminosa rival.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas